Bandido, insolente, fracassado e desocupado

Essa matéria foi publicada no blog Genizah – Por esses dias um conhecido pastor chamou, em seu programa de TV, aqueles que o criticam de bandidos, insolentes, fracassados e desocupados.

Minha mãe ensinava que era feio falar coisas dos outros sem provar. Acho que nem todos tiveram a mesma instrução.

Bandido, insolente, fracassado e desocupado é quem usa o nome de Cristo para se dar bem.

Bandido, insolente, fracassado e desocupado é quem prostitui o Evangelho.

Bandido, insolente, fracassado e desocupado é quem traz vergonha à Igreja do Senhor.

Bandido, insolente, fracassado e desocupado é quem transforma um lugar que deveria ser casa de oração em um esconderijo de ladrões.

Bandido, insolente, fracassado e desocupado é quem gasta mais tempo de olho no dinheiro do que pregando.

Enfim, como bem lembrou o pr. Donnie Swaggart, bandido, insolente, fracassado e desocupado é quem se porta como cafetão da prosperidade.

Marcos 11.15.18 – Chegaram, pois, a Jerusalém. E entrando ele no templo, começou a expulsar os que ali vendiam e compravam; e derribou as mesas dos cambistas, e as cadeiras dos que vendiam pombas; e não consentia que ninguém atravessasse o templo levando qualquer utensílio; e ensinava, dizendo-lhes: Não está escrito: A minha casa será chamada casa de oração para todas as nações? Vós, porém, a tendes feito covil de salteadores. Ora, os principais sacerdotes e os escribas ouviram isto, e procuravam um modo de o matar; pois o temiam, porque toda a multidão se maravilhava da sua doutrina.

Fonte: Genizah / Profético

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.