Primeira escola gay do país será em SP

Com objetivo de valorizar e difundir a cultura LGBT, a primeira escola gay do Brasil será aberta em em Campinas (SP). Já foi assinado o convênio entre o Governo do Estado de São Paulo e o Grupo E-jovem de Adolescentes Gays, Lésbicas e Aliados para a criação da Escola Jovem LGBT. Já a partir desse ano serão abertos cursos a jovens hetero, homo e bissexuais.

Diretor da escola, Deco Ribeiro afirma que o fato de os cursos serem abertos a todos e não só a jovens gays é parte da estratégia de combate à homofobia. “Se a valorização da cultura negra é estratégia do movimento negro, assim como de vários povos e regiões, por que não valorizar a cultura LGBT?”, questiona ele.

Na sede da escola, em Campinas, meninos e meninas da própria cidade e das regiões de Sorocaba, Grande São Paulo e da Baixada Santista terão aulas de criação de zines, criação de revistas, criação literária, dança, música, TV, cinema, teatro e performance drag, sempre com foco no jeito de ser e agir das lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros.

O material produzido ao longo dos cursos, como CDs e DVDs, livros e revistas, peças de teatro e espetáculos de drag queens, circularão pelo estado e serão assistidos e distribuídos gratuitamente. Os jovens poderão concorrer ainda a bolsas de estudo.

Fonte: / Profetico