Os três poderes que sustentam a igreja

ATOS 4:31; E, tendo orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo, e anunciavam com ousadia a palavra de Deus.

INTRODUÇÃO:

A República Federativa do Brasil é governada por três poderes:

  • o Executivo – que executa as leis – representado pelo Presidente da República,
  • o Legislativo – que cria as leis – representado pelos deputados e senadores,
  • o Judiciário – que julga conforme as leis – representado pelos juízes e magistrados.

São estes três poderes que sustentam a nação brasileira. A Igreja de Jesus Cristo também é sustentada por três poderes que são encontrados no versículo.

1. O PODER DA ORAÇÃO –

  • Não orar é pecado (I Samuel 12:23) – E quanto a mim, longe de mim que eu peque contra o SENHOR, deixando de orar por vós; antes vos ensinarei o caminho bom e direito.

Diante das ameaças que sofriam por parte daqueles que crucificaram Jesus, os discípulos que constituíam a Igreja não fugiram, não revidaram, não contrataram um advogado para defender seus direitos, não murmuraram, não adaptaram o Evangelho ao sistema, mas sim, oraram ao Senhor.

Quando a Igreja orou, o lugar onde estavam assentados tremeu. A oração produz manifestações sobrenaturais.

  • (Atos 12:5) – Pedro, pois, era guardado na prisão; mas a igreja fazia contínua oração por ele a Deus.
  • (Atos 16:25) – E, perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam.
  • (Atos 16:26) – E de repente sobreveio um tão grande terremoto, que os alicerces do cárcere se moveram, e logo se abriram todas as portas, e foram soltas as prisões de todos.

A Igreja orou especificamente com fé e em nome de Jesus

  • (Atos 4:31) – E, tendo orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do Espírito Santo, e anunciavam com ousadia a palavra de Deus.

2. O PODER DO ESPÍRITO SANTO

Renova as forças físicas e espirituais – se não fosse Ele a Igreja não teria subsistido.

Consola nas aflições e com sua presença divina concede coragem e ousadia;

Santifica a Igreja vivificando a Palavra na mente e coração – a Palavra surte efeito através do Espírito Santo.

Guia na verdade;

  • (João 16:13) – Mas, quando vier aquele, o Espírito de verdade, ele vos guiará em toda a verdade; porque não falará de si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido, e vos anunciará o que há de vir.

Capacita para pregar o Evangelho;

  • (Atos 1:8) – Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra.

3. O PODER DA PALAVRA

Através da Palavra de Deus:

A Igreja é purificada,

  • (João 15:3) – Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.

A Igreja tem seu caminho iluminado,

  • (Salmos 119:105) – Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho.

A Igreja é preparada e fortalecida para enfrentar o mundo e combater o inimigo,

  • (Efésios 6:17) – Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus;

CONCLUSÃO

Para a Igreja ser vitoriosa, ela precisa estar firmada nesses três poderes. Sem eles, a Igreja está fadada ao fracasso e o crente como indivíduo também. Se você quiser que a Igreja permaneça vitoriosa em conformidade com a vontade de Deus, você precisa acionar esses três poderes.

Pr. Paulo Mori – Bacharel Teologia – Licenciado Pedagogia – Filosofia; Pós Graduado Docência do Ensino Superior; Técnico Eletrônico / Profetico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.